Neutralizando ou ativando sementes Parte III – Trigo e Aveia 14/07/2015

Continuando Parte II

Trigo e aveia sempre fizeram parte da minha dieta diária. Aliás eu começava todo dia com uma banana amassada com aveia em flocos por cima. Amo comer isso. Depois de aprender como estes flocos viram flocos e o que isso causa no nosso sistema digestivo eu mudei meu hábito matinal. Ainda como banana com aveia, mas a aveia é preparada de modo diferente. O trigo, nem se fala, né! Eu comprava pão, agora eu faço pão uma vez a cada 2 meses. Muito mais saudável e muito mais barato! Aliás comer mais saudável é mais barato que comprar industrializados, sempre foi, sempre será. Para fazer pão você precisa começar com um bom trigo e assim eu preparo o trigo que uso:

TRIGO

Tanta gente hoje aderindo à dieta sem glúten. Algo novo isso, e eu me pergunto porque ouvimos tantos casos de intolerância ao glúten, consumido por humanos há milhares de anos. A maneira como o trigo é cultivado em escala industrial, o tipo de trigo cultivado hoje que não existia há 50, 30 ou 20 anos atrás e a maneira de preparar os alimentos que levam trigo, contribuem para uma intoxicação do nosso delicado sistema biológico.

A técnica de neutralização do ácido fítico no trigo facilita tremendamente a digestão do mesmo e muitos intolerantes à glúten já podem consumir este alimento. Cabe a cada pessoa acessar isso e usar cautela ao tentar.

Aqui nos Estados Unidos temos o privilégio de ter acesso a trigo orgânico que não é transgênico o que é um bom começo. Eu sei que no Brasil ainda não há procura suficiente desta preciosidade e por isso não se acha para comprar. Até um número suficiente de pessoas se mobilizar e exigir o que deseja, nada vai mudar.

E assim é o processo:

Em um vidro adicione trigo em grão, cubra com bastante água e deixe descansar por 8 horas.

1048883_184149601794244_730703482_o

Passado este tempo escorra e enxague bem. Eu estou usando jarras com tampas que customizei com uma tela para permitir a entrada de ar. Eu coloco as jarras deitas, com a boca inclinada levemente para baixo para drenar o líquido. Deixe descansar por umas 8 a 12 horas. O tempo depende da temperatura, umidade e luminosidade. Eu coloco as jarras perto da janela para pegar bem a luz do dia. Assim que os grãos germinam aparece 1mm de pontinha do broto branco pra fora

1075296_133770066832198_946602354_n

é hora de colocar o trigo no desidratador a 65 graus Celsius por pelo menos 12 horas. As vezes eu chego a deixar até 24 horas e o trigo está pronto para ser moído ou estocado no freezer. Sim, no freezer porque neste estado ele está vulnerável e está perdendo nutrientes a cada dia que passa, portanto use o quanto antes.

AVEIA

Você já viu um grão de aveia? Eu nunca tinha visto. Eu nunca pensei como seria um grão de aveia, eu só conhecia aveia em flocos e quando vi um grão de aveia pela primeira vez eu pensei… “caramba! como é que fazem isso aqui virar floco!”. Tem que ser um equipamento realmente muito potente ou usar muita pressão e temperatura. E isso é exatamente o que fazem com o grão da aveia. E este processo desestrutura os componentes químicos da aveia e “desmonta”a proteína do grão. Estes componentes nem são mais reconhecidos pelo nosso dna, nosso sistema digestivo e por isso não chega nem perto do poder nutritivo oferecido pela aveia. Um grão de aveia é parecidíssimo com um grão de trigo. Aliás, se misturar os dois, eu nem saberia separar. E assim se prepara uma aveia saudável, altamente nutritiva.

Em uma tigela de vidro ou cerâmica misture 3 xícaras de água filtrada com 1 colher de sopa de iogurte natural e 1 colher do soro do iogurte, para obter o soro, se o iogurte não for altamente processado como as marcas famosas, o soro vai se depositar nos pocinhos que se formam onde vc tirou uma colherada. Se o seu iogurte é todo uniforme, ele não é muito natural e vc não vai conseguir separar o soro. Neste caso pode usar mais meia colher de iogurte. A esta mistura acrescente 1 xícara de aveia em grãos inteiros ou quebrados ao meio, cubra e deixe repousar em temperatura ambiente que não passe de 27 graus Celsius por 24 horas. Se a sua casa for mais quente que isso você pode botar na geladeira.

No outro dia a aveia terá absorvido a maioria do líquido. Coloque tudo numa panela para cozinhar, o líquido junto se tiver sobrado. O que você criou foi um processo de fermentação.

Depois de 15hrs.

O que você adicionar à aveia pode ser a sua própria receita e criatividade. Eu usei leite de côco que eu congelo em cubos, usei pedaços de rapadura para adoçar porque rapadura confem ferro e outros minerais. Também acrescento extrato de baunilha caseiro e mais uma xícara de água fervendo. Você vai ter que ficar mexendo com bastante frequência e monotirando se precisa mais água ou não, depende muito do grão que você comprar. Pelas minha experiências o tempo de cozimento fica entre 45 min a 1 hr.

Oatmeal

Você também pode adicionar leite em vez de água para uma consistência mais rica. O resultado é uma aveia acetinada, macia, saborosíssima para servir fria ou quente e também pode ser armazenada em vidros no freezer por bastante tempo. É claro que tenho aveia no meu freezer.. aliás, deu vontade. Vou lá tirar um vidro para descongelar para o meu desjejum de amanhã.

Oatmeal soaked Aug 14 (3)

Aqui está uma sugestão para servir a sua aveia preparada coberta com coco ralado puro e amêndoas neutralizadas crocantes.

Eu adoro servir um pouquinho de aveia gelada com óleo de côco virgem derretido por cima e pedaços de abacaxi fresco.. hhmmm.

A sua imaginação é o limite.

Continuação Parte IV


Meu nome é Cristine e este blog é para você. Ele também representa um novo começo para mim.

Sou apaixonada por saúde, moro na Florida, USA e administro nossa empresa de exportação.
6 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *