Posts da Categoria: Receitas

Torta de noz-pecã – Sem Glúten, Sem Açúcar 10/02/2019

Quer uma torta que satisfaça sua vontade de comer um doce delicioso e vontade de seguir um estilo de alimentação saudável? Então esta torta vai endireitar o seu caminho! kkk Ela é rica em proteína e é apenas  adoçada um pouco com mel. É tão simples que pode ser descrita com algumas palavras. Ela se compõe de uma crosta de amêndoa, côco e manteiga e o recheio é feito de clara de ovo e noz-pecã adoçado com mel e temperado com canela e baunilha. Simples assim? Só pode lhe fazer bem.

INGREDIENTES:

Para a crosta:
  • 1 forma de torta refratária de vidro de 20cm de diâmetro
  • 2 xícaras de farinha de amêndoa
  • 4 colheres de sopa de farinha de côco
  • 2 colheres de sopa de farinha e tapioca
  • 1 colher de chá de gelatina em pó sem sabor
  • 1/4 colher de chá de sal céltico
  • 1 colher chá de açúcar de côco (opcional)
  • 2 colheres sopa de óleo de côco derretido mas não quente.
  • 8 colheres de sopa de manteiga sem sal gelada e cortada em cubinhos.

Para o recheio:

  • 4 claras de ovos
  • 1/2 xícara de mel ( se você quer uma torta mais doce, pode aumentar a quantidade do mel até 1 xícara)
  • 2 xícaras de noz-pecã neutralizada picadinha
  • 10 a 20 nozes-pecã inteiras para decorar (opcional)
  • 1 colher de chá de canela (se você adora canela pode botar um pouco mais)
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha
  • 2 colheres de farinha de tapioca

INSTRUÇÃO:

Preaqueça o forno em 200C.

Coloque as farinhas, a gelatina, o sal e o açúcar em um processador de alimentos e pulse 8 x. Acrescente a manteiga e pulse alguns segundos várias vezes até que os ingredientes formem uma massa. Se eles não formarem uma bola mas estiverem quase no ponto, despeje a massa na forma da torta. Com as mãos junte todas as migalhas até formar uma bola uniforme e começe a amassar a bola com a palma da mão para cobrir o fundo e as laterais da forma formando a crosta da torta. Deixe na geladeira enquanto prepara o recheio.

Bata as 4 claras em neve em ponto firme e adicione todos os outros ingredientes. Misture-os gentilmente com uma espátula até o recheio ficar uniforme. Despeje na forma com a massa da torta e leve ao forno a 200C por 10 min. Baixe a temperatura para 175C e asse por 20 a 25 min dependendo do seu forno. Eu faço o teste de firmeza agarrando uma ponta da forma com uma luva protetora e dando uma chacoalhada. Se o recheio está firme, a torta está assada.

 

Depois de esfriar completamente você pode servir com chantili ou pura. Esta torta é uma ótima parceira para um café ou um chá quente. Se você cortar a torta em 8 fatias estará consumindo 1 colher de mel o que não é muito mal se este for o único doce do dia que você consome. O custo desta torta é mais alto do que uma torta comprada porque você está usando ingredientes nutritivos e saciantes. Esta torta você pode comer sem culpa! Não estou dizendo que ela é livre de calorias. Porém, comparada com uma torta de padaria comum que é feita com trigo branco, açúcar refinado e margarina, a nossa torta é muito mais saudável. Eu apelidei ela de barra de proteína de ovos e nozes. Conforme o seu paladar vai evoluindo para menos doce você pode ir reduzindo gradativamente a quantidade de mel para que a reação de insulina seja cada vez mais moderada. E então, vai experimentar? O resultado visual é luxuoso e é fácil de fazer. Esta é uma torta com uma apresentação que impressiona e faz um excelente presente ou prato em ocasião especial. Me conta se fizer. Eu vou gostar muito de ouvir como foi sua experiência e se você gostou tanto quando nós aqui gostamos.

Esta receita é uma combinação e modificação de 2 sites onde busco receitas saudáveis inspiradoras: www.DeliciouslyOrganic.com e www.TheGraciousPantry.com.

Saúde!

 

 

 

Comente

Torta de batata doce e abóbora 01/02/2019

O outono na America chama por torta de batata doce, torta de abóbora e torta de noz-pecã. Algo totalmente novo pra mim. No sul do Brasil, a gente tinha torta de queijo o ano inteiro. O contraste das estações convida a criar pratos sazonais. Esta tradição foi criada por falta de opções, na verdade. Na época em que se comia o que se plantava e supermercados não existiam, as pessoas usavam o que a terra oferecia no tempo ditado pela natureza. Que singela e inteligente maneira de assimilar diversidade de nutrientes durante o ano. Batata e abóbora definitivamente viraram o selo da estação de festividades do final do ano e que ricas que são.

Final do ano passado nós fomos convidados para casa de amigos e acabei não fazendo ceia de ação de graças ou de natal. Uma boa chance de descansar as colheres e panelas, mas ficou aquele desejo pendente de uma torta de batata doce que não apareceu em nenhuma mesa à qual fomos convidados. Então em janeiro resolvi fazer uma torta. Eu sempre tenho purê de batata doce assada no freezer, pronto pra usar, mas quando fui procurar a jarra vi que não seria suficiente então adaptei a receita do site https://www.asweetpeachef.com/sweet-potato-pie/  com metade de purê de abóbora que eu também tinha pronto no freezer. Estes são 2 ingredientes muito úteis de se ter no freezer. Uma sopa rápida ou temperados e servidos como purê de acompanhamento para uma carne assada e ua-lá! Você tem um prato luxuoso e saudável. Enfim, meu desejo de tortas de outono acabou se realizando em dose dupla: batata e abóbora. As receitas destas duas opções difere nas especiarias que combinam com cada uma delas. Então nada mais natural que combinar as especiarias também e o resultado ficou magnífico. Talvez eu tenha criado uma nova tradição: torta de batata COM abóbora.

 

A cor mais popular de batata doce aqui é a batata ruiva. Meu pai quando veio visitar ficou encantado com a cor e o sabor. Ela é mais doce do que a batata doce pálida que colhíamos no sul. A batata doce servida no Brasil sempre foi cozida e aqui nos Estados Unidos ela é geralmente assada o que aprofunda o sabor. Este método é meu favorito agora e acho a batata cozida aguada no sabor e textura. Se você nunca assou batata doce, experimente!  Lava ela, prega-lhe umas boas garfadas para criar escape para o  vapor e assa. Você pode, dependendo de como vai usar a batata, untá-la com a gordura de sua preferência, eu uso óleo de côco, e salpicá-la com sal.

Para a torta, é claro, ela é assada sem sal por 30 a 40 min, dependendo do tamanho em forno a 200 graus C. Depois de esfriar descasque e amasse com garfo ou passe no processador. O processador vai homogeneizar e criar uma textura acetinada que favorece o resultado da torta. Parece complicada mas não é. Então vamos lá:

INGREDIENTES:

Para a crosta:
  • 1/2 xíc de óleo de côco
  • 1 1/4 xícara de trigo integral ( eu usei trigo germinado, desidratado e moído em casa)
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 1/2 colher de chá de açúcar de côco
  • 6-8 colher de sopa de água gelada, mais se necessário
Para o recheio:
  • 1 1/4 xícara purê de batata doce assada
  • 1 1/4 xícara purê de abóbora assada
  • 1/2 xícara de xarope de maple ou açúcar de côco
  • 2 colheres de sopa de melado de cana
  • 2 ovos
  • 1 xícara de leite de amêndoa caseiro ou leite de côco
  • 1/4 xícara de óleo de côco derretido
  • 2 colheres de sopa de trigo integral
  • 1 colher de sopa de extrato de baunilha
  • 1/2 colher de chá de canela em pó
  • 1/4 colher de chá de noz moscada moída
  • 1/4 colher de chá de cravo moído
  • 1/4 colher de chá de sal
  • 2 colher de sopa de noz-pecã picadas
Para o chantili:
  • 1 xícara de creme
  • 1 colher de sopa de açúcar de côco
  • 1/2 colher de chá de extrato de baunilha
Para fazer a crosta:
  1. Forre um prato com papel manteiga, espalhe o óleo de côco e coloque no freezer para endurecer.
  2. Misture o trigo, sal e açúcar no processador pulsando algumas vezes.
  3. Quebre o óleo de côco duro que está no freezer em pedacinhos com as mãos e adicione ao processador. Pulse algumas vezes para que os pedaços quebrem até ficarem do tamanho de ervilhas, aproximadamente.

  4. Adicione a água gelada, uma colher por vez e continue pulsando a mistura até perceber que a massa se forma e vc pode beliscá-la. Remova a massa do processador e sobre o balcão modele ela em forma de um disco. Se a massa estiver muito seca e começar a esfarelar, basta adicionar mais umas gotas de água e modelá-la mais um pouco entre as mãos.

  5. Embrulhe a massa em forma de disco em plástico e deixe gelar na geladeira por uns 10 min.
  6. Retire a massa da geladeira e deixe uns 5 min no balcão. Polvilhe o balcão com um pouco de trigo e usando um rolo de madeira comece a abrir a massa virando ela de vez em quando para evitar que grude no balcão, até criar um círculo de 24cm, aproximadamente.
  7. Coloque a massa na forma e modele as laterais. Aqui você pode usar sua criatividade e fazer uma beirada bonita. Eu não caprichei muito, como você pode ver.

Para o recheio:

  1. Aqueça o forno em 180C.
  2. Junte todos os ingredientes em uma bacia funda e misture-os com uma batedeira de mão.
  3. Despeje a mistura sobre a crosta dentro da forma e leva ao forno por 45 min. Se ao final o centro da torta ainda não estiver firme ( dê uma mexida na forma) deixe assar mais de 5 em 5 minutos até firmar. Uma hora deveria ser o limite do tempo para que a torta fique firme.
  4. Agora é só deixar esfriar completamente em temperatura ambiente. Depois guarde na geladeira.

Para o chantili:

  1. Bata o creme com açúcar e baunilha até virar chantili e sirva com a torta fria.

 

De vez em quando uma fatia de torta para adoçar a vida é uma recompensa merecida. Esta torta vai bem com chá ou café.

Lambuze-se!

 

2 Comentários

Geléia de frutas vermelhas rápida e saudável 24/12/2018

Hoje, dia 24 de dezembro de 2018 saí de casa cedinho para comprar alguns ítens que preciso levar no jantar na casa da minha amiga e lá estavam elas.. as baguetes de sourdough/ fermentação natural me encarando. Não resisti! Apesar de serem feitas com trigo branco comercial, hoje eu quebro a regra e levo ela pra casa.

A caminho de casa me arrependi de não ter comprado uma geléia de frutas vermelhas que combina tão bem com uma baguete amanteigada. Mas… me lembrei que tenho frutas vermelhas no freezer. Aliás, sempre tenho um pacotão delas para usar em batidas e comer com iogurte. Hoje vou fazer minha geléia rápida.

INGREDIENTES:

1 xícara de frutas vermelhas

1 colher sopa de mel

1 colher sopa de chia

1 colher chá de gelatina em pó sem sabor

1 colher chá de extrato de baunilha.

INTRUÇÃO:

Aqueça as frutas com numa panelinha pequenininha até soltarem água e vai amassando elas com uma colher. Quando a mistura começara a borbulhar e tiver formado uma sopinha retire do fogo e acrescente a chia, a gelatina e a baunilha misturando bem. Devolva ao fogo e deixe borbulhar em fogo baixo por uns 7 min. Retire do fogo, acrescente o mel, misture bem e deixe esfriar.

Na pressa que eu estava eu enfiei o pote no freezer enquanto preparei o café que eu bati com leite de côco e óleo de côco. Quando havia terminado de arrumar a mesa a geléia estava fria e deliciosa! Ela vai ficar boa mesmo amanhã. Guarde na geladeira por alguns dias, se você resistir.

Esta geléia faz uma ótima lembrancinha para alguém que você queira presentear com algo carinhoso feito por si mesmo  e saudável!

FELIZ NATAL!!!!

4 Comentários

Parfait colorido de aveia 24/11/2018

Quando você estiver disposto a se recompensar por qualquer razão que seja com algo delicioso composto de diversas texturas, cores e sabores, aqui vai uma opção luxuosa e saudável.

Esta refeição requer preparo antecipado do leite de amêndoas e da granola de nozes. A aveia vai ficar de molho na noite anterior para que ela comece a digerir antes de ser consumida assegurando assim fácil digestão e maior absorção de nutrientes. A apreensão e espera só aumentam o prazer de comer esta maravilhosa combinação que vai deixar seu paladar elétrificado. Aprendi esta receita deliciosa com a Anita Goa ao seguir o blog dela praticando yoga www.anitagoa.com. Ela é uma instrutora fabulosa.

Leia Mais

Comente